sábado, 9 de janeiro de 2010

Meu nome é ninguém.


Meu nome é ninguém.

Seria interessante, quando fôssemos nos apresentar, falássemos que ‘não somos ninguém’. Cansa ter que ouvir currículos ditados em voz alta. Auto-Elogios. Narcisismo. Egocentrismo. Não são todos que estão a fim de saber quem é você. Deixe com que as pessoas sintam interesse de conhecê-lo, que busquem saber sobre você. Seja tardio para falar, e esteja pronto a ouvir. Espere/faça que as pessoas venham te elogiar (é difícil, sabemos), não forçadamente, mais que seus atos sejam agradáveis e cooperativos com a sociedade.


“Tua é, SENHOR, a magnificência, e o poder, e a honra, e a vitória, e a majestade; porque teu é tudo quanto há nos céus e na terra; teu é, SENHOR, o reino, e tu te exaltaste por cabeça sobre todos. 1 Crônicas 29: 11”


suezoribeiro ,


1 comentários:

Fran disse...

...Eu sou quem Tu queres que eu seja Senhor...

Postar um comentário