sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

Próximo...? Próximo!



Próximo...? Próximo!

E o que temos feito para ajudar o próximo? Será que toda vez que pensamos em ajudar o ‘próximo’(pessoa que está perto), pensamos no ‘próximo’ (que há de vir). Que não vamos ajudar ESSE, mas quem sabe UM PRÓXIMO. Dizemos não ter dinheiro para doar uma cesta básica a uma pessoa necessitada, mas nem ao menos doamos um prato de comida a essa que tanto necessita. E não somente negamos comida, mas negamos estender uma mão, negamos ouvir um testemunho de sofrimento. Nossos corações estão petrificados para amar o próximo. Não pense que ajudar, evangelizar, cuidar, amar; precisa ser necessariamente aquelas famílias que estão na África. Você pode COMEÇAR pelo seu bairro. Quantas pessoas não têm fome? Quantas pessoas não necessitam de um ombro para desabafar?

Temos feito nossa PEQUENA parte? Antes de lhe escrever esse texto, fui severamente encostado contra a parede.

Não só palavras. Não só teorias. Não só sonhos.

Precisamos agir.


“O amor não é um sentimento. É um MANDAMENTO!”


Quem é o seu próximo? - Leia: Lucas 10: 25-37


suezoribeiro ,


2 comentários:

Fran disse...

...Realmente tópico muito sério...Falar de amor, de próximo é muito mais profundo do que dizer com palavras...
.............Amar é mais que afeição, mais que gostar.É coragem, é aceitação, ousadia..........

Rodrigo Miguel disse...

Vamos amar no nosso dia a dia.

Postar um comentário